Renata Falzoni e a mobilidade urbana

Renata Falzoni e a mobilidade urbana

Movimento Conviva

Renata Falzoni critica a política de mobilidade no Brasil

 

Na Assembléia Legislativa do Estado de São Paulo (ALESP), a cicloativista Renata Falzoni fez um assertivo discurso, criticando a atual política de mobilidade no Brasil.

Renata Falzoni na Assembléia Legislativa do Estado de São Paulo.

No Dia Mundial do Meio Ambiente (05 de junho), houve recorde de congestionamento nas ruas paulistanas. Essa foi só a primeira observação, de muitas, feitas por Renata em menos de 10 minutos recheados de impressões sobre erros cometidos e acertos possíveis de acontecer; tudo que a ativista diz é bem embasado e inspira a repensar hábitos antigos e colocar em prática uma convivência menos stressante.

Renata critica as atuais políticas que privilegiam planos e investimentos para o transporte individual, em detrimento do transporte de massa. “Tudo para o carro, e o cidadão fica em segundo plano”, diz.

E segue: “Por vinte anos, SP paralisou a ampliação do metrô, deixou trens sucatearem e largou os ônibus, sem planejamento. Estamos correndo atrás de um déficit de transporte público, insuficiente para atender à demanda”.

Outro dado que Renata menciona é de que 12 pessoas morrem, por dia, em SP,por conta da poluição. Ou seja, “carros não são a solução sustentável”, critica.

“Uma economia baseada na indústria automobilística é insustentável”, ela segue no discurso. “Qualidade de vida é garantir transporte público eficiente a custo baixo para todos. Vender carro para população de baixa renda é condená-la a um sonho insustentável”.

 

Soluções?

  • Calçadas acessíveis e seguras
  • Restrição de uso de carro nos centros urbanos

O bom exemplo: a cidade paulista de Sorocaba que, em 8 anos, colocou 90 km de estrutura cicloviária integrada ao transporte público.

“Façam de suas cidades uma comunidade livre da escravidão dos carros. Uma cidade alegre, saudável, sustentável, alegre e boa para todos. Isso é a democracia, uma cidade inclusiva socialmente”.

É o recado final para um recomeço. Dela vêm pensamentos que buscam uma solução no caos metropolitano de hoje. Para todos nós repensarmos e agirmos para uma convivência pacífica, com todos e em todos os lugares. Conviva! 🙂

Movimento Conviva

Instagran Youtube

Ciclofaixa São Paulo

Instagran Youtube

Ciclofaixa Osasco

Instagran